BitSight vs Siemens

SuperLiga Corporate MasterFoot/Make-A-Wish 2018/2019 - 1ª Fase - 5ª Jornada (Quinta-Feira) 06 de dezembro de 2018
  • BitSight Siemens
    1-6
    • 22:00
    • Estádio da Luz - C1

Reportagem

A 5ª jornada ditava um duelo entre a Bitsight e a Siemens. Esperava-se um jogo equilibrado uma vez que as equipas estavam separadas por apenas um ponto. A Bitsight estava instalada no 9º lugar com 4 pontos e a Siemens ocupava o 13º posto com 3 pontos. As duas formações tinham conquistado a vitória na última jornada, portanto, a motivação estava em alta.

Os primeiros 5 minutos sem muito a registar, as equipas defendiam as suas balizas em bloco e só conseguiam visar as balizas adversárias de longa distância. A primeira situação de perigo pertence à Bitsight, num canto, a bola a sobrar para o central Samuel Lajas e Marco Dias a esticar-se todo e a defender para o poste. A resposta da Siemens é imediata e certeira, a equipa a beneficiar de uma série de ressaltos e Nuno Pereira, de fora da área, a fazer o golo. Os Bitsight reagem e quase chegam ao empate, David Marreiros a ganhar a posse de bola e Bernardo Louro com um remate em jeito a falhar o alvo por pouco. Aos 15 minutos de jogo, os Bitsight estavam por cima, tentavam chegar ao empate, atacavam sobretudo pelas linhas, com cruzamentos tensos para a área, davam trabalho ao guarda-redes, mas Tiago Silva a mostrar-se concentrado. A Siemens estava muito pragmática, só arriscava no ataque quando tinha a certeza que podia causar perigo e ao minuto 17, depois de um remate de David Pereira defendido por Tiago Silva, aparece Paulo Branco para a recarga e não perdoa, 0-2. A perder por 2 golos, a Bitsight continuava a correr atrás do prejuízo, mas a baliza adversária parecia estar fechada a 7 chaves com a defesa azul a tomar conta do recado. A última oportunidade da primeira parte pertence à Siemens com Nuno Pereira a bater o canto e David Pereira a rematar para defesa de Tiago Silva.

A troca de campo fez bem às equipas, a Bitsight é a primeira a mostrar serviço, logo no arranque da etapa complementar, Nuno Silvério a tentar de longe e a bola a passar perto do poste. A Siemens já tinha a lição estudada e o terceiro golo é prova disso. O guardião Marco Dias a colocar diretamente para o ataque e Pedro Carreira, sem deixar a bola cair, atira de pé esquerdo para o poste mais distante. Grande golo, grande combinação entre os dois! A Bitsight vai finalmente chegar ao golo ao minuto 30, Bernardo Louro acertou no poste e Serra no sítio certo, o faro para o golo a não falhar e 3-1. A Siemens não se deixou assustar e dois minutos depois, o quarto golo vai aparecer dos pés de Pedro Carreira, a cortar da linha para o meio e pouco depois do meio campo a dizer “aqui vai disto”. Pedro Carreira estava de pé quente e o “hat-trick vai acontecer. Num livre a favor dos Bitsight, o 16 vai roubar a bola, corre na direção da área adversária e a pôr a redondinha, com toda a calma, no cantinho. Pedro Carreira estava embalado e fazia a vida negra à defesa contrária. À entrada para os últimos 10 minutos, o avançado vai ganhar uma grande penalidade e David Pereira, encarregue da marcação, faz o 6-1. À espera do apito final, a Siemens fazia a gestão do esforço e a Bitsight tentou aproveitar. Bola ganha por Nuno Silvério junto ao canto, a entregar a Bernardo Louro que apontou para o ângulo e não se enganou por muito. A Siemens vai estar muito próxima do sétimo golo, David Pereira a picar para Pedro Carreira, este a colocar ao segundo poste e Nuno Pereira a cabecear ao poste. Nos últimos momentos do jogo, a Bitsight ainda tentou amenizar o resultado, mas a bola parecia não querer entrar.

Vitória justa da Siemens. Muito pragmáticos, defenderam a sua baliza com unhas e dentes e Pedro Carreira a ser fundamental no capitulo da finalização. A Bitsight teve momentos de bom futebol, mas não foi feliz na concretização. Com este resultado, a Siemens ultrapassa a Bitsight, está agora em 9ºlugar e a Bitsight em 10º.