Masterfoot

Newsletter

Subscreva a nossa newsletter...



Estatísticas

Contador Anual

552 jogos 5402 golos

Globais

20729 jogos 141758 golos 20425 jogadores 361 competições 929 torneios

14ªSMV

80 jogos 658 golos 39 jogadores 4 torneios

Grupo A

20 jogos 159 golos 39 jogadores

Ibizas vs Artfactu

Os-ibizas-logo VS Transferir

Detalhes do jogo

Competição: 14ª SuperLiga MasterFoot Veteranos
Torneio: Grupo A
Jornada: 1ª Jornada
Data: 2017-05-05
Hora: 22:15
Local: AirFut 1

Resultado

 
 
 
 
 
 
 
 
 
Resultado
Os-ibizas-logo
5
 
2
Transferir
 
Marcadores
Vitor Magalhâes 21"
Tito 32"
Vitor Magalhâes 40"
Tito 43"
Vitor Magalhâes 47"
 
 
 
 
convidado 36"
Alexandre "Alex" Nunes 46"
 

Reportagem

A ronda inaugural estava em marcha com o primeiro jogo do muito equilibrado Grupo A opondo duas equipas muito equivalentes, que habitualmente dotam o seu jogo com muita coesão defensiva e entre-ajuda entre todos os jogadores. O Artfactu entrava neste primeiro jogo de campeonato com a convicção de "arrancar" os primeiros pontos. Os Ibizas, por seu turno, queriam entrar a "todo gás" confirmando o bom final de época realizado no torneio passado. Antevia-se um jogo muito equilibrado.

Os primeiros minutos foram muito equilibrados e com poucas ocasiões de perigo para as duas equipas, excepto um remate de Pedro Meren de meia-distância com a bola a passar muito perto do alvo à guarda de Manuel Pinheiro. Ao minuto 5, Hugo Moita vai disferir um remate muito colocado com Manuel a "voar" para uma grande intervenção. Nestes minutos seguintes, Manuel continuava a impedir que os Ibizas marcassem realizando espectaculares defesas. Ao minuto 10, Pedro Meren vai voltar a estar em destaque mas sem resultados práticos, isto porque, a bola passa muito perto da baliza de Bruno Sobrosa. O canhoto Gonçalo Cardoso também tentava colocar a sua equipa em vantagem, no entanto, Manuel continuava a apresentar-se em grande plano. Só à passagem do minuto 21 é que os Ibizas conseguem encontrar o caminho para o golo, com Gera a cruzar com conta, peso e medida para Vitor Magalhães faturar, em cima do apito para o interregno. Os Ibizas acabavam melhor o primeiro tempo e esperava-se uma segunda parte com os amarelos a querer sentenciar o marcador.

A segunda parte começou com uma tabela perfeita, demonstrando uma sintonia fantástica a dupla Gonçalo e Fonte e mais uma vez Manuel defendia com os pés. No minuto seguinte, Alex e Meren vão tentar visar a baliza de Sobrosa mas este último, conseguia impedir que o Artfactu marcasse, belas intervenção de Sobrosa. A intensidade aumentava com o decorrer do jogo e com isto, os Ibizas aproveitavam para adiantar-se no marcador, com Tito a acreditar até ao fim, após alguma passividade defensiva da turma da Artfactu. Na resposta, a Artfactu avisava primeiramente num passe magistral de Alex para Vítor falhar ao 2º poste. Depois, Meren num passe de trivela para o mesmo Vítor voltar a perder a oportunidade de reduzir a desvantagem. Como não há 2, sem 3... A equipa do Artfactu conseguia chegar ao ambicionado golo, numa jogada bastante confusa e após uma defesa incompleta de Sobrosa a bola sobra para Vitor, a marcar aquele que seria o 2-1. Este golo revigorava a formação do Artfactu que procurava subir as linhas e ir à procura do empate, no entanto, quem marcou foi os Ibizas através de um canto cobrado irrepreensivelmente por Tito, para Vitor cabecear num gesto técnico perfeito. Os Ibizas voltavam a adiantar-se no marcador, à passagem do minuto 19, com um cruzamento milimétrico de Fonte para Tito marcar mais um golo de cabeça, neste encontro. Apesar disso, o Artfactu não "atirou a toalha ao chão" e voltou a criar perigo com Alex a pautar o jogo e a aproveitar um ressalto no poste, para marcar na recarga. Ainda havia tempo para os Ibizas fixarem o resultado em 5-2, com Vítor a chegar ao Hattrick num remate de pé esquerdo, aproveitando o adiantamento da Manuel.

Vitória justa para a equipa mais regular ao longo de todo o encontro, os Ibizas. O Artfactu acaba por fazer uma boa exibição mas do outro lado estava uma defesa bastante compacta e focada. Vítor Magalhães foi claramente o MVP desta partida, obtendo um hattrick.

Masterfoot.pt - Logo